Festival Cale & Sangriagosto

Subtítulo

12 a 21 de agosto

Imagem destaque

A Zona Antiga do Fundão irá receber, entre os dias 12 e 21 de agosto, oCale & SangriAgosto – Festival de Rua do Fundão, num vasto programa de animação musical, concertos, animação cultural, atividades circenses, feiras temáticas, arte urbana, gastronomia, artes visuais, mostra de produtos regionais, teatro e comércio aberto.

 

O Festival Cale vai para a sua quinta edição, naquele que é o maior festival de rua realizado no Fundão, num festival que irá trazer diversa animação de rua, com um amplo cartaz cultural, social e internacional, decorrendo na Zona Antiga da Cidade. Neste período haverá um horário alargado para os estabelecimentos comerciais.

 

A configuração do Fundão é propícia para a arte urbana: tem escala humana e oferece muitos lugares adequados para intervenções artísticas em espaços públicos, lugares abrigados, jardins interiores, parques e praças de pequena e média dimensão.

 

O objetivo deste festival é desenvolver um programa pluridisciplinar no qual que coabitem projetos de artistas experientes, com espetáculos do seu repertório e também projetos em desenvolvimento por artistas emergentes, imaginando a cidade e as suas memórias, num evento que irá decorrer de acordo com o seguinte programa:

 

Sexta-feira, 12 de agosto

Município do Fundão é o Município do Ano 2016

Subtítulo

Prémios "Municípios do Ano 2016"

Imagem destaque

O Município do Fundão foi distinguido, na passada sexta-feira, dia 3 de junho, no Forte do Beliche, em Sagres, como o melhor Município do Ano nos prémios "Municípios do Ano 2016", atribuídos pela plataforma UM Cidades, da Universidade do Minho.
 
O Fundão foi distinguido pela sua estratégia de formação avançada com as academias de código e seu ecossistema para o desenvolvimento e atração de empresas nas TIC, naquele que é o considerado como o prémio nacional mais importante que distingue as autarquias.
 
Para o Presidente da Câmara Municipal do Fundão, Paulo Fernandes, este prémio “é o mais importante que alguma vez o Município recebeu do ponto de vista da sua visibilidade”.
 
Já em 2014, o Fundão tinha sido distinguido com o segundo lugar e como melhor Município do Centro.
 

Marca “Cereja do Fundão” distinguida a nível nacional

Subtítulo

Prémios Marketeer 2016

Imagem destaque

A marca “Cereja do Fundão” foi distinguida a nível nacional, no passado dia 2 de junho, ao vencer os Prémios Marketeer 2016, na categoria Grande Consumo Alimentar – Não Bebidas.
 
Os prémios atribuídos pela Revista Marketeer distinguem os projetos considerados serem os melhores trabalhos e profissionais em Marketing, Publicidade e Comunicação no último ano.
 
Na cerimónia, realizada no Convento do Beato, em Lisboa, estiveram mais de 700 convidados e a apresentação esteve a cargo de João Manzarra.
 
Na categoria Grande Consumo Alimentar – Não Bebidas, as marcas concorrentes da Cereja do Fundão foram: Gallo, Knorr, Nobre, Oliveira da Serra e Paladin.

História

Subtítulo

As raízes históricas do Fundão

Imagem destaque

As raízes históricas do Fundão remontam à Proto-história, período que regista a existência de um Castro da Idade do Bronze (1º Milénio a. C.) no Monte De S. Brás, contraforte da Serra da Gardunha sobranceiro à atual cidade.