+(351) 275 779 060     Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  

       

  • Página inicial
  • Notícias
  • Memorando para criação de licenciatura em Migrações e Interculturalidade assinado no Fundão

Memorando para criação de licenciatura em Migrações e Interculturalidade assinado no Fundão

Realizou-se esta segunda-feira, dia 16 de janeiro de 2023, no Centro para as Migrações do Fundão, a assinatura de um memorando de entendimento tripartido para a criação de uma licenciatura internacional em Migrações e Interculturalidade, entre a Universidade da Beira Interior, a Universidade de Salamanca e o Município do Fundão.

Desta forma, pretende-se a constituição de um grupo de trabalho entre a Universidade da Beira Interior e a Universidad de Salamanca com o objetivo de desenvolver os esforços necessários à criação e aprovação, pelos órgãos e organismos adequados, quer ao nível interno quer externo, de uma licenciatura em Migrações e Interculturalidade, no âmbito do Convénio de Cooperação entre as duas Instituições de Ensino Superior, em parceria com o Município do Fundão.

As migrações contemporâneas constituem, de forma inquestionável, um fenómeno crescente na sociedade globalizada, tendo um enorme impacto a nível social e constituindo-se como uma questão prioritária.

Face à carência de técnicos especializados no terreno, surge a necessidade de formar profissionais especializados nas diferentes áreas relacionadas com a migração. A criação desta licenciatura tem como objetivos formar e capacitar profissionais para lidar com assuntos relativos aos fluxos e às políticas migratórias; à discriminação, identidade, comunidade e cidadania; à globalização e integração; ao racismo e nacionalismo; à coesão social; à investigação académica; à gestão de projetos; à mediação intercultural; à intervenção comunitária e social; à educação multicultural; e às empresas e processos de inserção profissional.

Para Paulo Fernandes, Presidente da Câmara Municipal do Fundão, “a assinatura deste memorando constitui um dia histórico para o Fundão, para as universidades, para a região e para a Europa. As migrações contemporâneas são um desafio e um fenómeno crescente e têm um efeito social a uma escala global. O Município do Fundão possui uma estratégia migratória abrangente e diversificada e um ecossistema de acolhimento instalado e inúmeras outras valências dedicadas à migração e ao acolhimento de migrantes, facto que irá possibilitar aos estudantes desta licenciatura a experiência de trabalho em contexto real. Desta forma, o Fundão constitui-se como um espaço privilegiado para o estudo dos fluxos migratórios e das mobilidades, uma vez que acolhe indivíduos de diversas origens e religiões, assim como de distintos perfis, desde refugiados, estudantes, trabalhadores qualificados e trabalhadores sazonais, até migrantes que procuram um modo de vida alternativo às cidades”.

Refere ainda que “a criação desta licenciatura é crucial para o conhecimento dos processos migratórios, permitindo aos governos e demais instituições responsáveis orientar as suas políticas e ações concretas. O Fundão coloca-se, mais uma vez, na linha da frente do conhecimento e na procura de respostas que permitam fazer face a este desafio”.

Imprimir

Contactos


Praça do Município
6230-338 Fundão
Portugal

T. (+351) 275 779 060
F. (+351) 275 779 079
E. geral@cm-fundao.pt

O Município nas redes sociais